Blog Ernani Carreira Guaíra SP

Blog Ernani Carreira Guaíra SP

domingo, 5 de fevereiro de 2017

Vacina da Febre Amarela Guaíra SP - Vigilância Epidemiológica alerta para horário e quem deve tomar vacina da febre amarela - Devido a logística e para evitar o desperdício de dose as Salas de Vacina das 6 Unidades de Saúde da Família atendem de segunda a sexta, das 07h00 às 15h30 - Blog Ernani Carreira Guaira SP

Home
Vacina da Febre Amarela Guaíra SP 


Vigilância Epidemiológica alerta para horário e quem deve tomar vacina da febre amarela

Devido a logística e para evitar o desperdício de dose as Salas de Vacina das 6 Unidades de Saúde da Família atendem de segunda a sexta, das 07h00 às 15h30.

Para agilizar o procedimento é recomendado que todos portem a carteira de vacinação.
Caso não tenham carteira em mãos deverão aguardar para que a equipe encontre sua ficha de registro de vacinas em seus arquivos a fim de verificar a necessidade de vacinação ou não.

Caso a equipe não encontre a ficha de registro a recomendação é que inicie o esquema vacinal conforme a idade.

Nas últimas semanas, devido a divulgação de casos de mortes em humanos e macacos – alguns em nossa região, vem ocorrendo uma intensa procura pela vacina contra a febre amarela nas seis Unidades de Saúde da Família.

As equipes estão se desdobrando para conseguir atender toda população. Pedimos que as pessoas que procurarem as Salas de Vacina levem sua carteira de vacinação

Não se trata de campanha de vacinação, as equipes de saúde estão atualizando a situação vacinal de todos que estão procurando as salas.

Por isso carteira de vacina de cada um deve ser guardada e preservada como um documento, assim como a Carteira de Habilitação, CIC, RG, etc. Cada dose de vacina que a pessoa tomou durante toda sua vida é considerada na avaliação da necessidade de vacinação.

A Secretaria de Saúde solicita paciência para que esse protocolo seja seguido, pois especialistas em infectologia defendem o controle dos programas de imunização contra a febre amarela.

O alerta é para que a população evite a vacinação de forma desnecessária, o que pode ser prejudicial ao organismo devido a vacina ser feita com vírus vivo atenuado podendo produzir a própria doença que imuniza, que é a febre amarela.

O esquema da febre amarela é de duas doses, tanto para adultos quanto para crianças.

As crianças devem receber as vacinas aos nove meses e aos quatro anos de idade. Assim, a proteção está garantida para o resto da vida.

Para quem não tomou as doses na infância, a orientação é de uma dose da vacina e outra de reforço, dez anos depois da primeira. Quem já tomou duas vacinas contra a febre amarela, ao longo da vida, não precisa mais ser imunizado contra a doença.

A população deve seguir a recomendação e administrar as doses no intervalo de tempo recomendado, uma vez que, quando não são respeitados os prazos, o excesso de doses pode aumentar a chance de adquirir a doença na forma vacinal.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) não recomenda a vacina para pessoas com doenças que baixam a imunidade – como lúpus, câncer e HIV – nem para quem tem mais de 60 anos, grávidas e alérgicos a gelatina e ovo.

Segundo o Ministério da Saúde, todos os estados estão abastecidos com a vacina e o país tem estoque suficiente para atender toda a população nas situações recomendadas.

A coordenadora do Programa Nacional de Imunizações do Ministério da Saúde, Carla Domingues, esclarece que não há mudança no esquema vacinal da febre amarela.

A estratégia de duas doses, adotada no Brasil, é segura e garante proteção durante toda a vida. A população que não vive na área de recomendação ou não vai se dirigir a essas áreas não precisa buscar a vacinação neste momento.

Segundo ela, a vacina tem eficácia de 95%.

De acordo com o Ministério da Saúde, a vacina é recomendada para moradores de toda a Região Norte e Centro-Oeste, parte do Nordeste (Maranhão, sudoeste do Piauí, oeste e extremo-sul da Bahia), do Sudeste (Minas Gerais, oeste de São Paulo e norte do Espírito Santo) e do Sul (oeste do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul).

A recomendação de vacinação para o restante do País continua a mesma: toda pessoa que reside em Áreas com Recomendação da Vacina contra febre amarela e pessoas que vão viajar para regiões silvestres, rurais ou de mata dentro dessas áreas, deve se imunizar.
Pessoas que vão visitar áreas consideradas endêmicas, como algumas cidades de Minas Gerais e do Espírito Santo, e que vão receber a primeira dose contra a febre amarela devem se vacinar pelo menos dez dias antes da viagem.

Fonte Diretoria de Comunicação Prefeitura do Município de Guaíra SP 17-3332.5120 

Blog Ernani Carreira Guaíra SP 2017
.

Nenhum comentário:

Postar um comentário