Blog Ernani Carreira Guaíra SP

Blog Ernani Carreira Guaíra SP

quarta-feira, 16 de janeiro de 2013

Etanolduto Ribeirão Preto Paulínia Alcoolduto Presidente Lula Jatai GO Uberaba MG Blog Ernani Carreira

Home

Etanolduto - Alcoolduto em Ribeirão Preto-SP
Duto que transportará etanol de Ribeirão para Paulínia é concluído.

O primeiro trecho do duto que transportará etanol ligando grandes centros produtores do produto entre cinco estados do país ficou pronto entre Ribeirão Preto SP e Paulínia SP. Esta primeira fase da obra tem 206 quilômetros de extensão e começará a funcionar em março.

Obra toda terá 1.300 quilômetros de extensão e passará por 5 estados.

O Etanolduto, como foi batizado, ligará 45 municípios passando pelos estados de Goiás - onde começa em Jataí -, Mato Grosso do Sul, São Paulo e Minas Gerais, até chegar aos Portos de São Sebastião SP e do Rio de Janeiro onde o combustível será exportado em navios. Quando estiver pronto o duto terá 1.300 quilômetros e capacidade para transportar 21 bilhões de litros de etanol por ano. O custo previsto é de R$ 7 bilhões.

Fonte: Internet Site EPTV Ribeirão Preto...mais

23 de novembro 2010

Presidente Lula - Etanolduto - Alcoolduto em Ribeirão Preto-SP


Alcoolduto, Etanolduto, Sistema de transporte de Etanol tirará 1,5 mil Caminhões por dia das Rodovias.
O Presidente Lula esteve em Ribeirão Preto, dia 23 de novembro, para inaugurar o primeiro trecho do Etanolduto, entre Ribeirão Preto e Paulínia.
O Etanolduto inaugurado por Lula cobre 202 Km entre Ribeirão Preto e Paulínia e é a primeira etapa dos 850 Km  que irá ligar a região produtora de Jataí (GO) à refinaria Replan. Seu percurso passará por 45 municípios, entre eles 25 nas regiões de Ribeirão Preto, Central e de Campinas


Obra prioritária do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) para o setor, o etanolduto será um sistema multimodal. De acordo com o presidente da Transpetro, Sérgio Machado, o sistema combina os dois transportes mais baratos: os dutos e a hidrovia, agregando ao setor sucroalcooleiro eficiência financeira, logística e ecológica

Segundo Machado, com o etanolduto, 1,5 mil caminhões deixarão de circular pelas rodovias, dimininuindo consideravelmente o custo do transporte. “Hoje 95% do transporte de álcool é feito por caminhão, justamente o modal mais caro”, disse


O etanolduto fará uma intersecção com a hidrovia Tietê- Paraná para recolher o álcool do Mato Grosso do Sul e do Norte de São Paulo, por meio de terminais em Anhembi e Araçatuba. Para isso a Transpetro deve fechar a contratação de 80 barcaças e 20 empurradores, o que, segundo Machado, irá economizar 80 mil viagens de caminhão por ano

Cada comboio, formado por um empurrador e quatro barcaças, terá capacidade para transportar 7,2 mil metros cúbicos de etanol, o equivalente a 86 vagões ou 172 carretas de etanol

A última etapa da construção do duto, de Uberaba a Jataí, deverá ser concluída entre dezembro de 2013 e o final do primeiro trimestre de 2014

Fonte
Site EPTV Ribeirão Preto - eptv.globo.com


Cronograma
O primeiro trecho do duto iniciará a operação entre junho e agosto de 2012 e custará R$ 800 milhões. Seis meses depois, outro trecho, de Ribeirão Preto a Uberaba (MG), também escoará etanol. Após o início da operação na cidade mineira, no terceiro trimestre de 2013, a PMCC espera inaugurar um braço do alcoolduto entre Anhembi (SP) e Paulínia. Esse ramal, de 110 quilômetros - 60 quilômetros dos quais na faixa do gasoduto Brasil-Bolívia - irá receber o combustível carregado por 80 barcaças pela hidrovia Tietê-Paraná a partir de Araçatuba (SP). Nas duas cidades, haverá centros coletores de etanol.

Em 2012 deve ser iniciado outra parte do duto, entre Paulínia e São José dos Campos, no qual o etanol seguirá por outros dutos já existentes no Rio de Janeiro, até que o trecho final do empreendimento, ligando a cidade do Vale do Paraíba aos portos, seja finalizado. A obra prevê ainda um novo ramal entre Jataí e Itumbiara (GO), passando por Quirinópolis, para captar o combustível produzido na região.
A obra deve escoar 21 bilhões de litros de etanol, volume próximo à produção atual do Centro-Sul do país e prevê ainda a construção de tanques para armazenar 550 milhões de litros do combustível nas regiões dos pontos coletores. As tarifas de transporte do etanol ficarão entre 50% e 90% do custo da cobrada pelos caminhões tanque.

.

2 comentários:

  1. Qual as empresas que venceram a licitação e que copoem o consórcio.

    ResponderExcluir
  2. será que alguem pode me passar a lista de musicas desse site ?

    ResponderExcluir